F

Acabou de sair

 https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com/2018/07/resenha-volte-para-mim-de-paola.html  https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2018/04/resenha-ligeiramente-perigosos-mary.html  https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2018/04/o-que-li-em-marco-2018.html

O que você procura?

20 março 2018

Resenha | Fúria domada, de Megan Maxwell

Título: Fúria domada
Autora: Megan Maxwell
Editora: Essência
Gênero: Romance de época (+16)
Páginas: 368
Ano: 2017
Skoob

(cortesia da editora)

Sinopse: Gillian é conhecida entre os membros de seu clã como a Desafiadora por seu caráter indomável sua principal qualidade e também sua grande maldição. Apaixonou-se por Niall na infância e viveu com ele uma bela história de amor, interrompida quando o rapaz partiu para lutar junto ao rei da Escócia sem dizer adeus. Gillian jurou que nunca o perdoaria. Tão teimoso e orgulhoso quanto sua amada, Niall está de volta, mas não é mais o mesmo homem, disposto a qualquer coisa para reconquistá-la. Agora que se reencontraram, nenhum dos dois quer dar o braço a torcer. Mas a paixão do passado os domina novamente. Até quando eles serão capazes de resistir?


Fúria domada é o segundo livro da série Guerreiras, escrita por Megan Maxwell. Dessa vez acompanhamos a história de Gillian e Niall, que são apaixonados desde a infância. Após ser convocado para lutar junto ao rei da Escócia, Niall interrompe o noivado com Gillian quando parte para a guerra sem nem ao menos se despedir. Dona de uma personalidade forte e um caráter indomável, ela não o perdoa após seu retorno. Ele também não está disposto a lutar tanto por ela, depois de tantas tentativas. Anos depois eles se reencontram e os desentendimentos são ainda maiores, porém, no fundo todos perceberam e eles mesmos sabem que por trás dessa fúria existe um sentimento forte que jamais foi esquecido. Uma revelação familiar irá colocar a prova esse amor. Então eles precisão vencer o orgulho ou esquecer para sempre o que viveram juntos.

"E então a beijou. Devorou seus lábios como só ele e sua paixão sabiam, e Gillian se sentiu desfalecer." (p. 350)

Nesse segundo livro, Maxwell segue com a mesma narrativa fluída, envolvente e rica em diálogos. É só uma pena que para um romance de época, ela use muitas falas atuais, como "gata". Mas a autora cria tantas situações interessantes e divertidas, que acaba nos instigando a avançar rapidamente as páginas. Gostei muito de rever os personagens do primeiro livro, principalmente Megan e Duncan. Esses personagens rendem momentos descontraídos em meio ao turbilhão de brigas entre os protagonistas. 

Tenho sentimentos bem contraditórios com todos os livros que leio da autora. Como no primeiro volume, as brigas infantis dos protagonistas e os inúmeros insultos acabam irritando na maior parte das vezes, em outras são imensamente divertidas. E são justamente essas brigas que parecem nunca ter fim, que tornam os momentos de reconciliação tão românticos e apaixonantes, nos deixando com um gostinho de quero mais. E por incrível que pareça vi uma tremenda química nesse casal. Acho que é só a autora equilibrar melhor o excesso das discussões claramente infantis e dar mais momentos de trégua entre os protagonistas. 

Outro ponto que faz o livro valer a pena, é a criação de personagens secundários - além daqueles do primeiro volume. As crianças, por exemplo, aprontam muito e seguem com a personalidade de suas mamães (quem leu Desejo Concedido vai entender haha), os guerreiros do clã de Niall também rendem momentos de descontração e foi muito gostoso ver o amadurecimento desses personagens. Além disso, não menos importante, está o empoderamento feminino que continua tão presente nos livros da autora. 

Fúria domada é mais um livro que amei da autora. Tem algo de especial no seu modo de escrever e criar seus personagens, porque ao mesmo tempo em que eles me irritam e me tiram do sério, eles também me encantam e me fazem suspirar. E uma coisa é certa: não consigo parar de ler os livros da Megan Maxwell e mal posso esperar pela continuação. 

Onde comprar: Americanas | Submarino



Série Guerreiras

Os livros da série Guerreiras possuem um casal para cada volume, porém, não recomendo ler separadamente. 

Resenhas: Desejo Concedido |  Fúria Domada 


7 comentários:

  1. Olá!
    Já ouvi falar muito sobre essa autora mas nunca li uma obra dela de fato. Comecei a me interessar por livros de época mas não consigo ler vários desses seguidos, porque fico enjoada facilmente. Adorei o fato de você admitir que os personagens mesmo te tirando do sério, te encantam. Isso acontece com frequência comigo, e acho que por isso que a leitura fica interessante hahaha
    Fico feliz que tenha gostado e espero que também aproveite a continuação!
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Desta vez deixarei a dica passar por dois motivos, primeiro porque não tenho o hábito de ler séries e segundo porque o gênero em questão não me atrai. Mas, que legal que você é fã da autora e aprecia a sua escrita!!

    Bjs,
    https://contosdacabana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Letícia.

    Eu tenho vontade de conhecer a série Guerreiras da Megan Maxwell, pois eu li o primeiro Peça-me o que quiser e tenho o Você se lembra de mim? que ganhei de presente. Gostei muio da sua resenha e como você mencionou a personalidade dos personagens. Sua dica está anotada.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá o titulo do livro é muito sugestivo, apesar de não ser meu gênero favorito fiquei curiosa com a escrita e obra de forma geral, não conhecia a autoria do livro, parabéns pelo post adorei a forma como descreveu a estória!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não lembro de ter lido algo sobre essa série e, mesmo não gostando muito de romances de época, eu gostei da premissa desse livro, principalmente da personalidade das personagens.
    Vou anotar a dica.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca li um romance de época, mas imagino o cuidado que o autor precise ter com a linguagem. Mas, pela sua resenha, parece que isso não afetou muito a qualidade da obra como um todo. ;)

    ResponderExcluir
  7. Oiii, tudo bem?
    Eu nunca li nada desta autora, mas sei que ela é mega conhecida e elogiada, preciso conhecer. Esse não me despertou interesse, mas quem saiba eu não leia...

    ResponderExcluir