F

Acabou de sair

 https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com/2018/07/resenha-volte-para-mim-de-paola.html  https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2018/04/resenha-ligeiramente-perigosos-mary.html  https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2018/04/o-que-li-em-marco-2018.html

O que você procura?

08 dezembro 2017

Resenha | Perigosa amizade - o começo, de Gisela Bacelar

Título: Perigosa amizade
Autora: Gisela Bacelar
Editora: Outro Planeta
Gênero: Ficção
Páginas: 240
Ano: 2017
Skoob

(Cortesia da editora)

Sinopse: Para fãs de Gossip Girl, o volume zero da elogiada série independente Perigosa amizade, que conquistou mais de 40 mil seguidores no Instagram. Roberta é uma adolescente intensa. Ela é decidida, prática e sabe o que quer. Pelo menos enquanto o coração não resolve entrar na jogada e embaralhar seus sentimentos. Melissa é uma figura. Loira, com os cabelos cacheados, é aquele tipo de menina que já chega logo dizendo: “Ei, você quer ser minha amiga?”. Quando as duas ainda eram crianças, Roberta respondeu que sim. Denis, atacante do time de futebol, é cativante e extrovertido. Ainda é meio moleque, mas começou a chamar a atenção das meninas nos últimos anos. Com tantas mudanças, tem achado cada vez mais difícil sustentar a amizade que construiu na infância com Roberta e Melissa. Matheus tem dezoito anos. Assediado pelas meninas, já acabou o ensino médio e ainda não sabe o que quer fazer da vida. Vive no litoral com o pai que todo garoto desejaria ter: descolado, presente, fazendo todas as vontades do filho... Mas Matheus não é “todo garoto”. Seu melhor amigo, Gabriel, é um cara legal. Sensível, curte tocar bateria. Seu sonho é tocar numa banda de verdade, em shows ao redor do mundo. Para o pai dele, no entanto, isso seria um pesadelo. Como – e quando – seus caminhos irão se cruzar? Em Perigosa amizade: o começo, a escritora e modelo Gisela Bacelar costura o destino desses garotos e garotas, formando uma rede de encontros e desencontros e trazendo à tona assuntos presentes na vida de qualquer adolescente, como o sexo e a perda da virgindade, a aceitação entre amigos e colegas, drogas e álcool e a difícil relação com os pais.


Perigosa amizade - o começo, da autora nacional Gisela Bacelar, é o volume zero da série de mesmo nome. Confesso que apesar da autora já ser conhecida por seus textos nas redes sociais, esse foi meu primeiro contato com sua escrita, e, portanto, tudo novidade pra mim.

Em uma rede de encontro e desencontros vamos acompanhar a história de vários jovens. Drogas, álcool, relação com os pais, popularidade e sexualidade. Esses assuntos estão presentes na vida de qualquer adolescente, o que muda é a maneira com que cada um lida com os mesmos. São esses temas tão comuns que podem mudar e definir o destino desses jovens, e esse livro está longe de ser um conto de fadas. Segundo as palavras da própria autora: é um livro sobre a vida.

Uma característica importante na escrita da autora é sua forma direta. Em outras palavras, ela vai direto ao ponto, toca na ferida. Gostei de sua narrativa fluída e foi fácil devorar o livro rapidamente.


Poderia descrever cada um dos personagens, que não são poucos, mas o gostinho é descobrir cada um deles ao longo da narrativa. Entre eles, senti um maior foco em Roberta, Melissa e Denis, que são melhores amigos desde a infância. Com a chegada da adolescência e tantas descobertas, tem sido muito difícil manter a amizade de ambos. E imagino que certamente muitos jovens irão se identificar com esses personagens. Outro que também ganhou minha atenção foi o Gabriel, que sonha em seguir carreira com a música, mas é barrado pelo pai que quer escolher a profissão do filho. Quando ele enfim consegue permissão para sair para uma noitada, ele extrapola. Isso me fez pensar em uma realidade cada vez mais presente hoje. Muita droga, álcool e sexo em uma única festa. Até que ponto vale a pena ir para se tornar popular e ser aceito pelos "amigos"?

Ao abordar tantos assuntos da nossa realidade, a autora nos mostra como a adolescência é um período frágil e conturbado. Talvez seja nesse período de nossas vidas em que estamos mais suscetíveis a cometer erros. A presença ou não dos pais é inquestionavelmente impactante para a formação desses jovens. Eu, como adulta, me vi julgando as idiotices que esses jovens cometem. Por exemplo, a ideia que as meninas fazem da virgindade nos tempos atuais e como elas caem fácil na conversa dos "carinhas". Suspeito que fui a adolescente mais careta da minha geração, porque não é possível! (risos). Porém, também me peguei pensando como a história de vida de cada um pode mexer com suas mentes e suas atitudes (embora muitas coisas não possam ser justificáveis). Enfim, quando somos tão jovens estamos começando a encarrar um mundo real e cruel. 

Perigosa amizade é um livro para extrema reflexão, principalmente para os jovens. Ao acompanhar os erros desses jovens na ficção, quem sabe o leitor não questione as próprias atitudes e veja quantas consequências desastrosas virão a seguir. É um volume curto e que deixa a gente com gostinho de quero mais. Estou bem curiosa para ver quais serão os próximos passos dos personagens. Não foi um livro cinco estrelas, mas com certeza vale a pena. Super recomendo!

Compre: Amazon





5 comentários:

  1. Gostei bastante da capa, maaaas... Adolescentes! Eca! Não consigo ler livros com eles sem estar com os dois pés pra trás. As vezes acho q sou filha do Curupira... Kkkkkkk... Fico feliz que tenha tirado algum proveito da leitura.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  2. Oi Leticia.

    Realmente é uma ótima para os adolescentes lerem e refletir, pois muitos acham que o mundo vai acabar naquela noite que estão saindo e acabam fazendo tudo que não devem. Gostei bastante das informações que você deixou sobre o livro. Espero ter oportunidade de lê-lo. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Oi.

    A história parece ser interessante e traz vários ensinamentos para o leitor. Sua resenha ficou muito Boa, parabéns. A capa do livro é bonita. Ainda não conhecia. Vou procurar para ler.

    ResponderExcluir
  4. Ooi!
    Confesso que o livro me pareceu confuso e, pelo que disse, também parece um pouco rápido... Isso me desanimou um pouco.
    No entanto, não dispensaria de cara tivesse uma oportunidade de lê-lo. Quem sabe acabo gostando. Kkkkk

    ResponderExcluir
  5. Oie
    Tudo bom?
    Confesso que achei o livro interessante pela sua resenha, mas no momento tô fugindo desse tipo de leitura, mas deixarei anotado para ler posteriormente.
    Beijos

    ResponderExcluir