F

03 maio 2013

Mudar o mundo - por Fernanda Pompeu

Olá pessoal..
Achei esse texto de Fernanda Pompeu no yahoo e gostei muito. Palavras bem reais, e resolvi trazer até o blog para dividir com vocês. Espero que gostem e façam o trabalho da formiguinha.
Mudar o mundo
O pior adoecimento é o conformismo, pois amortece a vontade, fragiliza a luta, mata a esperança. Seguir em um namoro requentado, persistir num péssimo emprego, emudecer diante de uma injustiça são alguns sintomas da resignação.
Entendo: o mundo é vasto, a sociedade é complexa, o sistema tem a sutileza de um trator, as flores são frágeis. Há desigualdade, desorganização, corrupção e maldade. Tem canalha com auréola de santo. Tem santo de pau oco. Há puxadores de tapetes, e arrivistas que se dão bem.
Mas mesmo o sórdido, o obscuro, o nefasto não são eternos. Eles não gozam do status de deuses. Nem está escrito em parte alguma que não possam ser enfrentados. Também sei que toda gente está cansada de promessas. Está farta de pagar sonhos de revoluções.
No entanto, um mar de dificuldades não quer dizer que os horizontes foram borrados. Há uma energia de transformação dentro da coletividade: escravos se rebelam, mulheres se emancipam, gays e lésbicas se assumem, pessoas com deficiência põem cara e pernas para fora.
Dentro de cada indivíduo existe criatividade e vontade de fazer o melhor. Esse sentimento começa na infância e, muitas vezes, é sufocado na medida em que os anos passam. Um tremendo prejuízo para todos. É triste que o inquieto de ontem seja o conformista de hoje.
Tenho para mim que não queremos, e nem devemos, aceitar a injustiça como normal, o malfeito como bem-feito, o pato como ganso, a vida como destino pré-escrito. Acho que existimos para fazer alguma diferença. Não acredito que tantos recursos sejam para nada.
Por exemplo, nascemos para tornar o mundo melhor. Para isso não é preciso pegar em armas, assaltar o poder, discursar para as massas, converter pessoas. Ninguém precisa ser um herói, um comandante, ou um chato, para transformar as coisas.
Basta que cada um, dentro da sua circunstância, encontre seu jeito de mudar o mundo. Fazendo trabalho de formiguinha, agindo no varejo. Pondo fé na sua própria importância. Um bom pedreiro faz mais bem ao mundo do que um médico ruim.


Até mais galera...

22 comentários:

  1. Gostei do texto.
    Para mudarmos o mundo, temos que começar a partir de nós mesmos.

    Bom fim de semana
    Beijos
    http://www.365diasvariados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Amiga o texto realmente expressa bem uma realidade muito importante, mas que infelizmente o nosso mundo de hoje não tem né ? Porque a sociedade não muda. Continua do mesmo jeito. Com violencia, roubos, assaltos, poluição e por ai vai...É uma pena, pois acho que todos gostaria que o nosso Brasil fosse um lugar melhor. Enfim...

    Olha para você ter uma idéia, quando eu fui para Orlando-FL, na Disney, eu fiquei encantada com a Cidade de Orlando. Não tinha pobre na rua, mendigos, poluição...transito em perfeita ordem, porque qualquer coisa errada tira foto do carro. nossa, eu fiquei boba menina. Quando eu pensei no Brasil, eu fiquei até triste, porque queria que fosse da mesma maneira que é lá. Estou louca para voltar de novo, porque aquele lugar é maravilhoso.
    Também, lugar de primeiro mundo quer o que né ?? hehehe

    Mas enfim...Só queria ressaltar isso, porque o mundo pode SE TORNAR a vim MELHOR sim, mas isso se a sociedade resolver realmente mudar.

    beijinhos linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário Sil..
      Realmente voce falou tudo. O mundo depende das mudanças nas pessoas!

      Não tenho dúvida da maravilha que deve ser Orlando, assim como outras cidades e países pelo mundo. O Brasil ta muito longe nesta realidade, pois é imaturo demais. Mas agente sempre tem esperança não é mesmo? O que seria do ser humano sem esperança né.
      Vamos ficando com ela então.Rsss

      beijos

      Excluir
  3. Oi, Leticia!
    Gostei muito do texto, mas me peguei pensando em outra questão: não temos que nos mudar primeiro?
    Eu acho que a mudança só ocorrerá quando nos mudarmos internamente. E no país que a gente vive ta dificil de ocorrer mudanças, infelizmente! Mas eu ainda tenho esperanças, rsrs
    Beijos
    Lucas
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente quem deve mudar primeiro somos nós. Com todo nosso egoísmo, nosso consumismo e por ai vai.
      Concordo plenamente.

      Excluir
  4. Eu tenho um sério problemas com livros... eu começo a ler e não consigo parar até acabar o livro e descobrir o final, se eu não ler fico pensando naquilo o dia todo ushaus... Ai em época de prova, como sei que vai me atrapalhar acabo não lendo oque é uma pena já que quando o livro é bom... vale tuuudo !
    Adorei seu blog, parabéns !
    Já seguindo se puder retribuir...
    pimentaeoutrasdrogas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade mesmo né..rs
      Quando é bom não conseguimos parar de ler..
      Obrigada por seguir, vou fazer uma visitinha no seu também.

      Excluir
  5. Letícia:
    O texto é excelente.
    Reflete uma "verdade" que é Universal.
    Afinal não é só o Brasil que tem problemas.
    Esse tipo de situação está presente nas pessoas, e não no lugar.
    Então a mudança tem que ser de cada um.
    Se cada indivíduo fizer sua parte, por menor que seja sua atitude, com certeza, podemos revolucionar o mundo e torná-lo um lugar melhor para se conviver.
    Bjs.:
    Sil
    http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A verdade é universal mesmo. As pessoas precisam mudar.

      Excluir
  6. Adorei o texto, além de reflexivo ele é bem real como você disse.. para mudarmos o mundo é preciso dar um passo de cada vez e essa mudança começa em nós.

    Sou Bibliófila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente um passo de cada vez, e que venha as mudanças.

      Excluir
  7. Ótima mensagem. As pessoas deveriam refletir mais sobre isso. Pois a mudança, parte de nós. Abraços.

    http://palavrasaventureiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigada, deviamos refletir mais mesmo.

      Excluir
  8. Gostei muito do texto! Acho que tem muito de verdade e que esse trabalho de formiguinha começa dentro da gente. Como Gandhi disse, que sejamos a mudança que queremos ver no mundo.

    Beijos

    www.reticenciando.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se cada formiguinha faz sua parte, o mundo seria melhor.

      Excluir
  9. Acho que um ponto importante que ela tocou foi sobre essa questão da super valorização de algumas profissões, ás vezes até tratamos com certo desprezo algumas pessoas por acharmos que o que ela está fazendo não serve pra nada.
    Muito legal o texto :)

    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somente quem está exercendo determinada função que sabe o seu devido valor. Voce tem razão.
      Obrigada por comentar.

      Excluir
  10. obrigado linda por sua visita no blog retribuindo já seguindo seu blog
    bjos...linda
    http://erildabarbosapadula.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada linda, volte sempre que quiser.

      Excluir
  11. Letícia:
    Voltei e peguei o seu post e republiquei no meu blog.
    Passa lá pra conferir, pois gostaria de saber sua opinião.
    Bjs.:
    Sil
    http://www.meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Puxa, fiquei muito entusiasmada com esse pequeno debate que meu texto provocou. Muito legal!

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!