F

22 janeiro 2017

Resenha | Will & Will

Título: Will & Will
Autores: John Green; David Levithan
Editora: Galera Record
Gênero: Young Adult
Páginas: 352
Ano: 2014
Skoob

Sinopse: Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome. E, aparentemente, apenas isso os une. Mas mesmo circulando em ambientes completamente diferentes, os dois estão prestes a embarcar em um aventura de épicas proporções. O mais fabuloso musical a jamais ser apresentado nos palcos politicamente corretos do ensino médio.




O que mais me chamava atenção em Will & Will era John Green e o fato de nunca ter lido nada de David Levithan - sendo sincera, a sinopse nunca me atraiu. Bom, e apesar de ter escutado tantos elogios, o livro não funcionou para mim.

A história gira em torno de dois garotos, ambos chamados de Will Grayson. Um Will é hétero, tem um melhor amigo gay, Tiny Cooper, e está atraído por Jane. O outro Will mora em outra cidade, é gay e não tem coragem de revelar isso a ninguém, a não ser para Isaac, seu pretendente na internet. O Will hétero e Will gay irão se encontrar em uma situação totalmente improvável, selando um pedaço do destino de Will gay com Tiny e a amizade desse último com o Will hétero.


A narrativa é em primeira pessoa e os capítulos divididos entre os dois Wills. A escrita dos autores é leve e bem juvenil, porém, o início foi um tanto difícil e não estava conseguindo compreender nada. Isso pode ter acontecido pela linguagem bem adolescente ou por eu já não estar me envolvendo com a obra. O fato é que a partir da página 70, mais ou menos, me adaptei a narrativa e estava esperando gostar mais da história.

"...tem alguma coisa no entorpecimento dos meus lábios depois de tê-la beijado que quero reter comigo, alguma coisa que parece pura, que aprece a verdade singular." (p. 159)

Os personagens em sua maioria me agradaram. Gostei de acompanhar o romance que se desenrola entre Will hétero e Jane. Também curti acompanhar as reflexões de Will gay sobre seu medo de revelar a mãe sua opção sexual. Mas não posso dizer o mesmo de Tiny. O garoto se achou o livro todo e ainda desdenhou do próprio melhor amigo. Não consegui gostar desse personagem. Além disso, a história parecia muito mais girar em torno dele do que dos dois Wills. Em alguns momentos cheguei a pensar que era ele o grande protagonista. Sério! Os dois Wills mal interagiram. Quantas vezes será que eles se falaram? Umas duas? O título é uma enganação! (E isso não é spoiler!).

O livro não foi de todo ruim, pois possui algumas reflexões sobre os dramas adolescentes: preconceito, escolhas, corações partidos, traições... Sem contar a mensagem de uma amizade verdadeira, apesar dos defeitos de cada um. Mas ainda sim, a maneira com que foi escrita, as ressalvas quanto ao personagem Tiny e o desfecho estranho, não me deixaram tantas opções para gostar desse livro, como tantos leitores gostaram.

De qualquer maneira, o que seria do verde se todos gostassem do amarelo? Essa é minha opinião, e o livro pode te agradar mais do que agradou a mim. Esse livro não fez diferença nenhuma para mim. Porém, não é isso que me fará perder a vontade de ler outras obras dos autores.

Compare e compre: Buscapé








9 comentários:

  1. Tenho Will e Will, mas ainda não consegui terminar a leitura, abandonei várias vezes, me confundo um pouco com os Wills sabe?
    Fico feliz em saber que ele não agradou outra pessoa :(
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Eu nunca li nada relacionado ao David Levithan, mas confesso que esse livro me chamou bastante atenção e o livro Todo Dia. Quero muito conhecer a escrita desse autor.

    BJSSSSS
    Visite o nosso blog:
    http://gemanas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Vejo muitas pessoas falando super bem da história, mas como você ela não me atrai, mesmo querendo conhecer muito a escrita do David...
    Sempre bom encontrar leitores que são como nós, mas tomara que se eu realizar a leitura goste.

    ResponderExcluir
  4. Esse livro estava na minha meta do ano passado, mas acabei não conseguindo ler. É uma pena você não ter gostado, mas a sua resenha mais negativa foi boa para diminuir a minha expectativa. Talvez dessa forma eu leia o livro com mais pé no chão e acabe até gostando mais. Sobre a linguagem adolescente, eu te entendo. Muitas vezes não gosto do livro justamente porque já passei da idade, por assim dizer. Eu acabo não me conectando tanto com a estória.

    Bjs.

    www.ciadoleitor.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu já li essa história mas confesso que o Will gay me irritou profundamente, a ponto de querer pular as suas partes. Gostei muito de acompanhar também o namoro de Will e Jane e concordo com vocÊ em relação ao título hahahaa
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Ola Le lindona
    A capa desse livro é linda, ainda não li esse livro em questão, mas gosto da escrita do autor por ser leve e sem dramas exagerados típicos de adolescentes. Espero ler em breve,uma pena que a leitura não foi tão agradável para você. beijos

    Ola Mi eu adorei esse livro,assim como os disfarces e sagacidade da protagonista.Nosso casal de protagonistas se completa cada um com sua intensidade.Capa como sempre linda. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  7. Olá Leticia tudo bem, passei esse livro para frente sem ter lido. Bem não me senti atraída pela história ao ponto de ler eu confesso, mas é curiosa para conhecer dois autores interagindo na criação desse livro. Os pontos citados sobre os personagens é bem pertinente, quem for ler já sabe o que esperar, não é mesmo. Mas foi muito legal vc ler e poder conhecer a história do livro. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho o livro mas nunca li por medo de não curtir muito a história.
    E agora com esse seu olhar sobre a história, me deu menos vontade anda ler...hahuahuuha
    Obrigado pela resenha.

    #Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Oie, Let!
    Assim como vc, eu não tenho vontade de ler esse livro. Nunca me atraiu.
    E, pra completar, uma amiga minha leu e compartilha do mesmo pensamento que vc: ela não gostou da leitura e foi mais um motivo pra eu não querer ler.
    Talvez no futuro possa tentar, mas no momento não é prioridade, rs.
    Amei sua resenha sincera!
    Bjocas,

    www.umdiamelivro.com.br
    www.youtube.com/literamigas4

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!