F

23 novembro 2016

Resenha | Sra. Poe

Título: Sra. Poe
Autora: Lynn Cullen
Editora: Bertrand Brasil
Gênero: Ficção/Romance
Páginas: 400
Ano: 2016
Skoob

(Cortesia da editora)

Sinopse: Um escritor e seus demônios, uma mulher e seus desejos, uma esposa e sua vingança. 1845: O Corvo, de Edgar Allan Poe, alcança os padrões de perfeição literária e está no auge da moda – sucesso com o qual uma poetisa esforçada como Frances Osgood só pode sonhar. Apesar de não ser grande fã dos escritos de Poe, ela vê com entusiasmo a chance de conhecê-lo e, em um sarau literário, fica atraída por sua magnética presença – e pela surpreendente revelação de que ele admira o seu trabalho. Flerte e sedução culminam em um romance proibido. Mas quando a frágil mulher de Edgar insiste em se tornar amiga de Frances, o relacionamento se torna tão ambíguo e tortuoso quanto um dos contos de Poe. Inspirado na vida e na escrita de Poe e Osgood, e baseado em autênticos detalhes históricos, Sra. Poe é uma história de tragédia e perda envolta em uma aura de paixão e vitalidade.


Um escritor e seus demônios
Uma mulher e seus desejos
Uma esposa e sua vingança

O que se espera de uma obra só por essa frase na capa? A verdade é que Sra. Poe, publicada pela Bertrand Brasil me chamou atenção desde que li a sinopse. Ao saber que se tratava de um livro inspirado na vida do renomado poeta de seu tempo, Edgar Allan Poe, e seu suposto caso amoroso com a também poetisa Frances Osgood, fiquei ainda mais entusiasmada. Para meu deleite o livro é tão maravilhoso que foi impossível não favoritá-lo.

1845. Edgar A. Poe vive o auge de sua carreira e é admirado por todos devido a seu mais nosso sucesso - "O Corvo". Frances Osgood, poetisa e mãe de duas filhas, encontra-se desamparada com a traição do marido mulherengo e precisa conseguir o próprio sustento com suas poesias. Para isso Frances necessita criar uma história tão macabra quanto os poemas do Sr. Poe. Quando  conhece o ilustre poeta, Frances fica perturbada e atraída com sua intensa presença. O que se segue ao passo que ambos se conhecem, é o desenrolar de um amor proibido. Os encontros clandestinos desafiam as regras da sociedade da época e a própria consciência dos amantes. A medida que a esposa do Sr. Poe, Virginia, incentiva a presença de Frances na família, ela também se mostra misteriosa, ciumenta e por vezes cruel. De que a Sra. Poe seria capaz se esse romance continuasse?


São tantos sentimentos por esse livro que não sei se saberei expressar tão facilmente. A obra é o resultado de uma intensa pesquisa da autora sobre a vida dos personagens. Em primeira pessoa, aos olhos de Frances, Cullen escreveu com maestria uma história verídica e fictícia ao mesmo tempo, em nenhum momento cansativa. Sua narrativa é poética e tão intensa quanto os personagens desse livro e, é importante dizer que todos eles são reais.

Poe e Frances teriam realmente vivido um romance que veio a se tornar um escândalo na época. A autora então transformou esse suposto romance proibido em uma história onde a ficção e realidade se mesclam de maneira fascinante. Cullen tomou todo o cuidado para que tanto os protagonistas como os personagens secundários mantivessem fielmente suas personalidades segundo suas biografias e manuscritos. Aqui conhecemos um pouco mais da vida de Poe, sua infância e sua fama, não apenas pelos poemas macabros, mas por suas inúmeras críticas a outros poetas. O título de louco a que lhe era atribuído, pode ser facilmente analisado aqui, pois vamos conhecer um Poe que está longe de ser a figura que o pintavam nos jornais da época. Frances, por sua vez, também pode ser facilmente compreendida, por sua indecisão em seguir o pudor ou se entregar a um amor que tanto necessitava. 

Acompanhar o envolvimento de Frances e Poe nos obriga a mudar constantemente nossos sentimentos. Ao mesmo tempo que sentimos juntos a culpa dos amantes, torcemos pelo amor de dois corações que parecem ter nascido um para o outro. Foi difícil definir meus sentimentos pela Sra. Poe, e isso foi claramente a intenção da autora. Amar ou não uma mulher traída? Se você ler esse livro vai entender minhas incertezas, e o quanto o mistério e terror das histórias originais de Poe pairam sobre as páginas desse livro. Com isso, meus aplausos para Lynn Cullen, que criou uma trama tão bela quanto macabra, se é que isso é possível. E tudo isso tendo como pano de fundo o auge da sociedade literária americana daquela década.

"Muito depois de terem partido, eu sentia o toque de sua mão em meu braço. Torci para que sua frágil e jovem esposa se curasse, embora uma voz macia sussurrasse: Gostaria que ele fosse meu." (p. 76)

E por fim, o desfecho surpreendente e a nota da autora ao final, acabou de me deixar rendida e apaixonada por essa obra. Romântico, vívido, aterrorizador e totalmente misterioso. Faço minhas as palavras de Sara Gruen: "Sra. Poe fez meu coração bater acelerado."

Compare e compre: Saraiva | Submarino | Livraria cultura




15 comentários:

  1. Nossa que foto linda!
    Adoro esses livros que misturam vários gêneros e se o final é surpreendente, melhor ainda.
    Beijos,
    Juliana.
    Fabulônica
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
  2. Gente eu não conhecia esse livro mas fiquei muito curiosa sobre o desenvolver. Você conseguiu me deixar curiosa. Irei colocar na lista. Parabéns pela resenha.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Conheço só de falar sobre Edgar e sempre tive curiosidade para ler algo seu. Porém, nunca tinha ouvido falar nesse livro e estou bem intrigada com este enredo. Além disso, esse romance, como você mesma disse, é totalmente contra o que é certo naquela época. Como será o desenrolar dessa história, hein? Será que Virgínia descobrirá e se vingará? Já quero esse livro!

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Eu não fiquei interessada nesse livro, por não conhecer tanto a história de Poe. Mas pelo que comentou na resenha é um ótimo livro.
    Uma ótima dica!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Conhecia o livro, mas não sabia que se tratava de uma história real. Poxa, agora não sei o que pensar do cara, um grande poeta, mas um péssimo homem. De todos modos, vou anotar em minha lista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kamila
      Péssimo homem pela traição você diz? Porque a intenção da autora foi justamente mostrar o homem bom que ele era, o seu outro lado que os jornais não revelavam.

      Excluir
  6. Oiii!!

    Eu recebi esse livro mas dei pra minha tia que gosta mais da obra. Gostei bastante de saber que houve bastante pesquisa! Isso é importante ❤

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Sabe que eu até ficaria curiosa com o livro por causa da frase na capa, mas não sei se daria uma chance para ele. Me pareceu não ser meu tipo de leitura, e nesse final de ano, com tanta coisa acumulada meio que preciso ser mais seletiva com o que entra ou não na lista de desejados.
    Mas... Ler sua resenha me fez ficar curiosa e querendo conhecer melhor o enredo e os acontecimentos do livro. Vida de leitor não é fácil, né?
    Quando a gente pensa que não vai ligar para o livro a dúvida surge e a vontade de matar a curiosidade é muito grande...
    espero ter a oportunidade de ler :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  8. Heey, tudo certo? Amei sua resenha! Esse livro também me chamou atenção logo que li a sinopse. Achei a premissa diferente, interessante. Não li o livro, mas é algo que quero fazer, ainda mais depois de saber tua opinião sobre ele :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Este romance sim eu daria uma chance, mesmo que com um enredo que poderia ter todo clichê que vemos por ai, o ar misterioso me deixa instigado a conhecer esta escrita da autora, descrita por você como apaixonante. Quero conhecer melhor a história de Poe.

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Desde o lançamento desse livro fiquei morrendo de vontade de realizar essa leitura porque sou muito fã das obras de Poe, então a curiosidade veio imensa né. Lendo a sua resenha essa vontade só aumentou, eu adorei!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Eu li! Esse livro tem de tudo um pouco, achei ele incrível e ao mesmo tempo encantador, para os fãs de Poe, essa obra é obrigatória. Valeu cada página lida.

    ResponderExcluir
  12. Olá! Conheço pouco sobre a vida de Poe este romance é interessante ao abordar detalhes por trás do que se imagina sobre ele. Não tinha prestado atenção nele e obrigada por despertar a minha curiosidade. Abraços!

    ResponderExcluir
  13. Que livro é esse?!
    Estou aqui louca, de vontade de ler, vc conseguiu me aguçar, claro que, essas frases de efeito no livro chama muito atenção, mas vai muito além disso, quero muito saber sobre os demônios, os desejos e a vingança que paira sobre esse livro.
    Bjks

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!