F

27 setembro 2016

Resenha | Uma canção de ninar

Título: Uma canção de ninar
Autora: Sarah Dessen
Editora: Seguinte
Gênero: Young Adult
Páginas: 352
Ano: 2016
Skoob

(Cortesia da editora)

Sinopse: Remy não acredita no amor. Sempre que um cara com quem está saindo se aproxima demais, ela se afasta, antes que fique sério ou ela se machuque. Tanta desilusão não é para menos: ela cresceu assistindo os fracassos dos relacionamentos de sua mãe, que já vai para o quinto casamento. Então como Dexter consegue fazer a garota quebrar esse padrão, se envolvendo pra valer? Ele é tudo que ela odeia: impulsivo, desajeitado e, o pior de tudo, membro de uma banda, como o pai de Remy — que abandonou a família antes do nascimento da filha, deixando para trás apenas uma música de sucesso sobre ela. Remy queria apenas viver um último namoro de verão antes de partir para a faculdade, mas parece estar começando a entender aquele sentimento irracional de que falam as canções de amor.


Fazia tempo que queria desbravar uma obra de Sarah Dessen, tão conhecia pelos seus envolventes Young Adult. Para minha satisfação, Uma canção de ninar, publicado pela Editora Seguinte, foi uma leitura que me agradou imensamente e é a dica que trago hoje para vocês.

Nossa protagonista Remy é uma jovem que não acredita no amor. Não somente suas experiências lhe indicam que esse sentimento não vale a pena, como todos os casamentos mal-sucedidos de sua mãe, que está prestes a se casar pela quinta vez. Prestes a entrar para a faculdade, tudo que Remy quer antes do verão acabar é aproveitar alguns relacionamentos rápidos, como sempre esteve em suas regras. É quando ela conhece Dexter, o vocalista de uma banda, e quebra uma delas: se envolver com um músico. Remy ainda não consegue esquecer o pai que abandonou sua mãe antes de ela nascer, deixando para ela apenas uma canção de sucesso - intitulada "Canção de ninar". Porém, Dexter parece ter mudado alguma coisa em sua maneira de enxergar as coisas, o que era ainda mais preocupante, pois ele possui todos os defeitos de que ela mais detesta. Seria possível quebrar todas as regras por apenas um garoto?

Com uma trama que inicialmente se apresenta previsível, Dessen conseguiu me surpreender com o rumo dos acontecimentos. A narrativa pelos olhos de Remy nos mantém bem próximos de seus pensamentos e mais diversos anseios. A escrita descontraída da autora tornou a trama ainda mais envolvente com diálogos divertidos e as reflexões mais íntimas da protagonista.


"A coisa mais doentia era que, de certa forma, fiquei feliz em vê-la. A pior parte de mim, em carne e osso. Me encarando à meia-luz, me desafiando a chamá-la por outro nome que não fosse o meu." (p. 108)

Amei todos os personagens. A começar pela protagonista, forte e real, sem nenhum mimimi. Remy é tão durona e fechada para o amor, que o leitor sentirá vontade de sacudi-la. Suas amigas também foram personagens muito bem construídas. Como me diverti com elas! Quantos diálogos animados! Dexter, por sua vez, é outro personagem marcante, sem mimimi, que facilmente nos convence, bem como os demais integrantes da banda. Sem deixar de mencionar a família da Remy. Dificilmente um livro nos conquista assim, por todos os personagens.

O mais gostoso foi acompanhar a evolução sentimental de Remy. Adorei como a autora não acelerou o ritmo dos acontecimentos e tornou tudo tão convincente. A experiência familiar de Remy influenciou muito em sua descrença para o amor, mas é fazendo escolhas erradas que ela poderá descobrir que nenhum relacionamento é perfeito e arriscar talvez, só talvez, valha a pena. Apesar de uma sinopse previsível, vou deixar você mesmo descobrir os caminhos misteriosos que a autora criará para esse desfecho.

Como Babi Dewet disse: "Esta não é a história de uma garota que conhece um garoto, se apaixona e muda por ele. É a história de uma garota que faz tudo isso por si mesma". Uma canção de ninar é um livro jovem, divertido, envolvente e com ótimos personagens. Simplesmente amei essa história e vou querer ler todos os livros de Dessen. Uma obra que pode ser lida por todos os públicos, especialmente pelos apaixonados pelo gênero.

Ah, e pense nisso: há um motivo para existirem tantas músicas sobre o amor.

Compare & Compre: Saraiva | Submarino | Americanas



16 comentários:

  1. Olá,
    Ainda não tive a oportunidade de conhecer a escrita da autora, mas esse já está na minha lista de desejados.
    Fico muito feliz que tenha gostado. Acho interessante que a obra tenha começado previsível, porém no decorrer do enredo tenha tomado caminhos que você não esperava.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Heiii, tudo bem?
    Estou bem curiosa para ler Uma canção de ninar, a capa está lindinha demais.
    Gostei da premissa demais e acho que vou gostar da historia como vc.
    Gostei dos pontos que vc colocou, acho que vou gostar de ver a evolução sentimental de Remy.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  3. Que resenha linda a sua. Da para sentir todo o amor que você sentiu por esse livro em suas palavras. Amei! Não conheço a escrita da Sarah Dessem embora tenha visto as pessoas falando maravilhas sobre ela. Pretendo ler sim um dia.

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Eu só li um livro da autora, e adorei a narrativa da autora, tanto que comprei os outros livros publicados dela aqui no Brasil. eu ainda não li esse titulo, mas estou bem curiosa para conferir esse enredo.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. Desde que vi esse livro sendo lançado é que eu tenho curiosidade com ele. Gostei da sua resenha e de saber um pouco mais sobre a história.

    ResponderExcluir
  6. Que legal a forma como a autora direciona o enredo. É bom quando tudo acontece num ritmo adequado, sem contar como a forma que vc diz que ela chega ao desfecho. Parece ser uma leitura bem agradável.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  7. Oii,

    Simplesmente adorei a premissa desse livro e estou louca para ler, principalmente porque nunca li nada dessa autora e estou bem curiosa.

    beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Letícia, sua linda, tudo bem?
    Eu fiquei impressionada com essa autora no livro Os Bons segredos, desde então, quero ler todos os livros dela, virei fã. A escrita dela é única e todos os personagens são muito bem construídos, impossível não se envolver com eles. Adorei essa frase que a Babi disse. Estou louca para ler esse livro. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Heey, tudo bem?Adorei a resenha. O único livro que li da autora foi uma pequena decepção: Aquele Verão. Mas quero MUITO dar uma chance a essas novas obras que está publicando, e Uma Canção Para Ninar parece ser incrível. Fiquei ainda mais empolgada por ter ressaltado que todos os personagens te cativaram. Adoro isso!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    To doida pra ler esse livro, assim como Os Bons Segredos. A Talita lá do blog AMA essa mulher. :)
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  11. Amo os livros da Sarah que já li, então claro que estou louca por esse! É muito bom saber que você gostou, que a protagonista é forte e real e que acompanhamos a evolução sentimental dela, isso só me deixa mais animada.

    ResponderExcluir
  12. Olá,

    Estou louca para ler esse livro e com sua resenha fiquei mais animada, gostei muito do enredo e fiquei curiosa para saber mais sobre o desfecho.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu morro de vontade de ler esse livro. Achei muito legal que no final a história acabou não sendo tão previsível assim, sem falar que foi tudo em um ótimo ritmo.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi, Letícia!

    Não conhecia o livro, mas já amei! Eu sou completamente apaixonada por histórias de adolescentes com um amor que parece ser impossível haha! Simplificando: sou apaixonada por clichês!
    Sua resenha só me interessou mais ainda, obrigada pela dica!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Oie
    Que resenha linda!!
    Não conhecia o livro, mas amei a história, principalmente a citação da Babi que me incentivou ainda mais na leitura... anotei a dica e pretendo ler em breve

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  16. Oi. Comprei esse livro na Bienal, mas até agora não pude ler. Vou tentar Ler esse mês. Ouvi alguns comentários e resenhas e parece ser bem legal..

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!