F

10 maio 2016

TAG - Mães literárias


Oi, pessoal!
Não sei quem criou a tag, mas vi ela pela primeira vez no blog da Ivi (Meu amor pelos livros). Esta um pouco atrasada para o dia das mães, mas está valendo! :)






Mãe do coração: uma mãe adotiva (Marian - A cidade do sol)

Vou fazer a mesma escolha que a Ivi, pois Marian foi uma ótima mãe adotiva para Laila. Em meio ao regime Talibã e as injustiças que sofriam, Marian foi amiga, mãe e uma espécie de porto seguro para a menina. O que Marian faz por Laila no final então, é digno de uma atitude de mãe!








Mãe divertida: uma mãe que nos fez dar muita risada (Rosie - Simplesmente acontece)

As trapalhadas de Rosie, a má sorte no amor e seus desencontros renderam muitas risadas nesse livro. Dos que li, pelo menos a Rosie foi a mãe mais divertida.










Mãe heroína: uma mãe que faria qualquer sacrifício pelos filhos (Aminata - O livro dos negros)

Aminata com certeza se encaixa nessa categoria. Ela é o tipo de heroína que não desiste de nada, muito menos de um filho.









Mãe relapsa: uma mãe que não merecia ser mãe  (Adora - Objetos cortantes)

Adora como uma péssima mãe. Acho melhor não falar muito!











Mãe trabalhadora: uma mãe muito dedicada à sua profissão (Samanta - Confiar)

Apesar de Taylor preferir que Samanta fique em casa, ela não consegue ser outra pessoa para agradá-lo. Ela é uma das que se encaixa na categoria de mães trabalhadoras.










Pai que é mãe: um pai que foi mãe também (Renato - Um cântico de silêncio)

Renato foi um pai e uma mãe para Lucia. Que história linda!











Mãe exemplar: uma mãe que está muito perto da perfeição (Violet - Série Os Bridgertons)

Violet é também um exemplo de mãe, por ter criado tantos filhos, educando cada um com carinho e ainda ter acertado em suas escolhas. 










2 comentários:

  1. Aminata. <3 Ela é um exemplo de mãe, sem dúvidas.
    Adorei as escolhas, Lelê. Ótima tag.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao meu blog.
Sua opinião é muito importante, mas se lembre que respeito é bom e eu gosto!
Seguiu? Deixa o link que eu sigo de volta. E também retribuo os comentários.

Obrigada por vir até meu cantinho!